• Início
  • Sodexo Insights
  • Como escolher o melhor fornecedor de benefícios para sua empresa?

Gestão de negócios

Como escolher o melhor fornecedor de benefícios para sua empresa?

Saiba o que é preciso levar em consideração na hora de contratar benefícios para funcionários Variedade, flexibilidade e rede credenciada são fatores importantes.

Onde encontrar os melhores benefícios para funcionários?

Os benefícios nas empresas para os colaboradores são ferramentas poderosas para os negócios. Isso porque benefícios corporativos trazem vantagens tanto para as empresas quanto para os profissionais. Alguns dos exemplos mais significativos: proporcionam qualidade de vida às equipes, ajudam a atrair e reter talentos e ainda podem representar uma bela economia para as companhias.

Todos esses pontos positivos, no entanto, dependem da escolha da empresa parceira que proporcionará benefícios para funcionários. Contar com um fornecedor ponta firme, com grande variedade de alternativas, oferta de soluções flexíveis e uma ótima rede credenciada, é fundamental para ter os resultados esperados. Quer saber como tomar a decisão correta? Fique conosco por aqui. Você verá:

Como optar pelo melhor parceiro para os benefícios da sua equipe?

Escolher quem trabalha com a gente é sempre um desafio! É preciso levar em conta uma série de características importantes. O mesmo acontece quando uma empresa procura um parceiro ou fornecedor. 

No caso dos benefícios corporativos, que são tão importantes para os negócios, tomar uma boa decisão é essencial para colher bons resultados lá na frente. E aí, na dúvida sobre como começar? Preparamos uma lista especial com os critérios a seguir na hora de contratar benefícios:
 

Todos os benefícios no mesmo lugar



Quando se trata dos benefícios para funcionários, os colaboradores vêm buscando opções cada vez mais abrangentes e fora da caixinha. Para se ter uma ideia, segundo o estudo O Futuro da Vida no Trabalho, realizado pela Sodexo em parceria com a Harris Interactive, as alternativas mais requisitadas no país são:

 

1º - seguro saúde,
2º - flexibilidade de home office,
3º - vouchers de refeições subsidiadas, cartão ou app.

Então, quando for partir para a busca, você verá que é comum muitos fornecedores focarem em pacotes de saúde e outros em alimentação e refeição, por exemplo. Embora isso possa parecer simples, ter diversas empresas parceiras complica a gestão, uma vez que a administração será realizada em plataformas diferentes, com suportes separados, sem uma visão única de como os benefícios estão sendo consumidos pela equipe.

Nesse sentido, optar por um único parceiro para a oferta de benefícios da empresa é o caminho mais prático. Além disso, essa estratégia também pode ser vantajosa, pensando que se houver um maior volume no pedido, as oportunidades de negociação tendem a ser mais generosas.

Como escolher a melhor empresa de benefício para sua empresa

Gostando da leitura? Baixe um infográfico completo, com tudo o que você
precisa saber antes de contratar um fornecedor de benefícios para funcionários.

 

Flexibilidade é o futuro



A forma de trabalhar e as relações entre empresa e colaborador sofreram diversas transformações nos últimos anos. Inclusive, uma pesquisa realizada pela WeWork na América Latina mostra as principais alterações no modelo de trabalho. Segundo o estudo, apenas 5% dos profissionais querem voltar ao formato presencial integral, enquanto 81% preferem o regime híbrido e 14% o totalmente remoto.

 

Com isso, não é surpresa que as expectativas dos funcionários quanto aos benefícios para trabalhadores também tenham mudado, não é? Como exemplo, os auxílios à saúde mental e ao home office se tornaram mais comuns durante a pandemia. 

Mas há ainda muitas outras opções que começam a se destacar, como seguro de vida, convênio odontológico e vale-combustível. Estamos diante dos tipos de benefícios flexíveis, modelo no qual a empresa determina um conjunto de alternativas e o colaborador escolhe as que preferir. 

Tenha em mente que a flexibilidade e a personalização da experiência são tendências para diversos setores e devem ser sua prioridade daqui pra frente!
 

Suporte e amparo aos parceiros



Como comentamos, oferecer benefícios empresariais pode ser muito vantajoso para a saúde financeira da empresa. Um bom exemplo é o Programa de Alimentação do Trabalhador, o PAT ( lei 6.321), que possui um propósito bem nobre: estimular o empregador a oferecer uma alimentação nutricionalmente adequada aos seus colaboradores.

 

Além de cumprir esse importante objetivo, os negócios cadastrados no PAT ainda têm isenção de encargos sociais sobre o valor do benefício. E mais: dependendo do modelo de tributação, ainda há dedução de até 4% no Imposto de Renda. É uma situação de ganho para os dois lados!

Mas para desfrutar de todas essas vantagens, é preciso seguir à risca as exigências da regulação do PAT, que atua sobre os benefícios de vale-refeição e o vale-alimentação. E, neste momento, o PAT está passando por mudanças que afetam tanto empregadores como funcionários. É aí que entra o auxílio do parceiro para a oferta de benefícios, que pode e deve ajudar empresas de qualquer porte a se ajustarem a esse e a outros cenários.

Leia no artigo quais são as mudanças no PAT.
 

Conheça a rede credenciada e a área de abrangência



Imagine a seguinte situação: uma empresa seleciona as melhores opções de benefícios para trabalhadores com descontos para academias e um vale-refeição aceito nos restaurantes mais populares. Fórmula de sucesso, não é? 

 

Porém, quando nada disso está disponível em áreas próximas aos funcionários, esse investimento vai por água abaixo. Parece óbvio, mas esse pode ser um erro comum na hora de escolher um parceiro para a oferta de benefícios.

Atualmente, as forças de trabalho são diversas e estão geograficamente espalhadas em diferentes bairros, cidades e até estados! 

Enquanto a internet ajuda os profissionais a trabalharem a distância como se estivessem lado a lado, é papel da empresa juntamente ao fornecedor pensar em como os trabalhadores podem aproveitar tudo que lhes é oferecido.

Em tempo, uma solução bastante prática para esses casos são as carteiras digitais, que facilitam a gestão e até a customização dos benefícios para cada perfil de colaborador.

Dica de ouro: fique de olho na reputação do fornecedor!

Por último, mas não menos importante, é preciso compreender se o parceiro para a oferta de benefícios nas empresas, além de oferecer as melhores oportunidades, é confiável. 

Buscar opinião de demais clientes, pesquisar a reputação da empresa no mercado e a tradição que tem nos serviços que presta são boas práticas. E que, com certeza, podem ajudar a prevenir problemas futuros. 

Em paralelo, é preciso pensar na responsabilidade social dos parceiros também, avaliando suas práticas de ESG. As causas apoiadas dizem muito quanto à missão e aos valores de um negócio e, por isso, devem ter peso na escolha do fornecedor.

Pronto para a decisão?

A missão de encontrar um parceiro para a oferta de benefícios é trabalhosa, mas vale a pena o esforço! Nada melhor do que contar com um bom atendimento e serviços alinhados à expectativa do mercado, além de ter acesso a vantagens. O PAT é um bom exemplo!

Em suma, podemos dizer que um bom fornecedor de benefícios para empresas não tem apenas produtos que estão de acordo com o que o negócio precisa, mas também dá suporte à implementação dos benefícios de forma legal e segura. 

Depois de assegurar a parceria, uma boa dica é fazer pesquisas de satisfação e uso dos benefícios recorrentemente. É assim que o negócio garante que está fazendo um bom investimento e mantendo seu time motivado. 

Afinal, oferecer benefícios para colaboradores é também oferecer qualidade de vida para o bem mais importante da empresa!

Quer saber mais sobre o assunto? Clique aqui para baixar um infográfico com um verdadeiro guia sobre como escolher a empresa de benefícios que vai te orientar na escolha!

Até a próxima.

Quero saber mais sobre as soluções Sodexo

thumbInscreva-se para receber novos conteúdos